Conheça uma das mais jovens promessas do Crossfit nacional!

O Planeta Crossfit esteve à conversa com o Gonçalo Sampaio, ele que é uma das mais jovens promessas do Crossfit Nacional e está apurado para o European Championship na categoria teen. Um jovem com um futuro promissor e também já é atleta BoxPt.  Nesta pequena conversa o Gonçalo falou um pouco sobre si e dos seus objetivos futuros. Não perca a entrevista já de seguida!

P.C – Fala-nos um pouco sobre ti e como surgiu o Crossfit na tua vida ?

G.S – Primeiramente quero agradecer esta oportunidade de me dar a conhecer um pouco melhor. Chamo-me Gonçalo, tenho 16 anos e o Crossfit surgiu na minha vida relativamente há pouco tempo (apenas um ano e meio), antes disso praticava remo, onde estive 4 anos. Durante toda a minha vida estive sempre em contacto com o desporto, mas foi o Crossfit que me despertou um grande interesse e foi isso que me levou a querer treinar e mais tarde competir.

 P.C –  Há quanto tempo treinas?

G.S – Como já referi em cima, treino há um ano e meio, sendo que durante meio ano só treinava uma vez por semana, pois ainda praticava remo nos outros dias. Depois é que decidi treinar Crossfit todos os dias.

P.C – O que fazes além do Crossfit?

G.S – Sou estudante e, como é óbvio, tenho que conciliar os treinos com o estudo, o que às vezes pode tornar-se um pouco mais complicado, mas nada de impossível!

P.C – Treinas na No Limts Crossbox Gondomar como te sentes nessa casa?

G.S – Na minha opinião, esta box tem um ambiente fantástico e o nosso coach é um dos melhores senão o melhor a incutir-nos um espírito positivo.

P.C – O Bruno Sá, é um dos melhores atletas nacionais e é o teu coach ,que tipo de relação tens com ele e o que achas dele como coach?

G.S – Existe um clima relaxado mas com rigor, durante o treino, mas para mim o Bruno é um grande amigo e um grande coach, com muita experiência não apenas a dar o treino, mas também da partilha da sua experiência como atleta, o que me tem ajudado muito. O Bruno é muito prático, tem uma visão diferente e todas as dicas e ensinamentos dele batem certo.

P.C – Estas apurado para o European Championship na categoria teen, quais as tuas expectativas?

G.S – Inicialmente, pretendia com esta competição apenas testar o meu “fitness” e ver como me encontrava comparado ao resto dos atletas. Para mim já foi uma enorme conquista apurar-me para esta competição. Acho que o importante vai ser divertir me e dar o meu melhor, mas claro que tenho alguns objectivos pessoais, não só com esta competição mas em geral.

P.C – Quais os teus objectivos no Crossfit?

G.S – Um dos meus objectivos principais é apurar me para os regionais, o que é uma tarefa dificílima, mas não impossível com muito trabalho e dedicação ao desporto. Neste momento, o meu foco é nos European, onde vou dar o meu melhor, aproveitar o momento e aprender com os grandes nomes do Crossfit.

P.C – Qual a tua referência no Crossfit?

G.S – As minhas referências são o Bruno, o meu coach, e um dos meus grandes ídolos: Rich Fronning, que para mim é o melhor atleta de Crossfit de sempre.

P.C – Agora és atleta Boxpt. Como te sentes ao representar esta grande marca?

G.S – Para mim, é um grande orgulho fazer parceria com uma empresa destas que, na minha opinião, é uma das melhores empresas de material de Crossfit. Digo isto porque desde o início foi uma marca que esteve presente na minha evolução como atleta e pela qualidade presente nos produtos. Sinto-me realizado por fazer parte desta grande equipa.

P.C – O que achas-te do Sr. Carlos Almeida e das instalações da BoxPt?

G.S – Fui muito bem recebido tanto por parte do Sr.Carlos Almeida, que acho que é uma excelente pessoa e que me ajudou em tudo o que precisei, como pela equipa da BoxPt. Depois de uma visita nas instalações da empresa fiquei impressionado pelo tamanho, qualidade de produção e mesmo a organização.

P.C – Queres deixar algum concelho para os adolescentes que com a tua idade ainda não sabem o que e Crossfit?

G.S – Deixo, desde já, para os jovens da minha idade que não conhecem esta modalidade, o conselho de a experimentarem!! Cada vez mais nos jovens se perde o hábito de praticar desporto e esquecemo-nos da importância que isso tem. Não precisa necessariamente ser de competição, mas apenas por puro lazer.

Obrigada mais uma vez por esta oportunidade,

P.C – Nós é que agradecemos a tua disponibilidade para esta pequena conversa, e já agora boa sorte para o European Championship. E continua com o bom trabalho e dedicação!

loading...

Deixar uma resposta