Uma Paixão pelo desporto que culminou no CrossFit

Olá a todos e obrigada ao Planeta Crossfit pelo convite para partilhar um pouco da minha vida, daquilo que sou e o que significa o Crossfit para mim.

Tenho 31 anos, sou de Viseu onde vivi até aos 22 anos e agora vivo em Vila Nova de Gaia onde também trabalho.

A minha primeira ligação com o desporto foi com a natação, devo ter começado aos 10 anos mas não gostava muito(nem gosto!), ia porque o meu Pai sempre me disse que era importante para o meu desenvolvimento desportivo, desde sempre confiei nele e no que me dizia, para algo que ambos sabíamos que seria o meu caminho mas sem percebermos muito bem qual a modalidade que me ia escolher(acho que são elas que nos escolhem!). Ele fez atletismo e falava muito dos treinos, do treinador e dos sacrifícios que fazia para treinar quer estivesse a chover ou a fazer sol, aquelas conversas e vê-lo mais tarde a fazer as provas de todo o terreno em mota, (eu e a minha mãe a ajudarmos nos abastecimentos, era altamente!), o entusiasmo com que relatava as provas e as sensações que tinha, a dedicação nos treinos, muitas vezes solitários…fez com que o meu percurso fosse naturalmente este, com toda a paixão do Mundo pelo treino! 🙂

Por isso, devo muito, claro à minha Mãe mas… Paizão por tudo o que sempre me proporcionaste, visível e invisível (foram muitas as horas de espera enquanto eu treinava), não tens a mínima noção das vezes que me lembro de ti quando treino e porque és e serás para sempre a minha verdadeira inspiração, um obrigada eterno! Por isso, tenho muito respeito por todos os que incentivam os filhos à pratica desportiva desde cedo.

Depois fui para o atletismo, aos 15 anos, fazia 400 metros barreiras!! Adorava! Era lenta, como ainda sou, o melhor que consegui em individual foram dois 3º lugares em Campeonatos Nacionais de juvenis e juniores. Cheguei a fazer estafetas 4×100 e 4×400 , provas de lançamento do disco e triplo salto e até 800metros! Corri literalmente o País todo, devo conhecer todas as pistas, bons tempos!! Depois comecei com o Kenpo, durante 5 anos, queria ser como o Bruce Lee !! Mais tarde, quando vim para o Porto, comecei a fazer trails, os mais longos que fiz foram Serra D’Arga (45Km) e o MIUT na Madeira (42), tinha um grupo de treinos maravilhoso, fazíamos corridas pela baixa com escadas pelo meio e as aulas de Body Attack que dei durante uns anos também ajudavam na minha resistência, de resto acho que as provas me preparavam umas para as outras! Deixei os trails porque comecei a fazer Crossfit e obviamente era impossível conciliar no sentido em que comecei desde logo a querer competir! Devo ter ganho 6 kgs desde aí.

Tinha uma amiga que dizia que era a minha cara, curiosamente o primeiro treino que fiz foi com o meu atual treinador, o Pedro Vasconcelos, e gostei muito mas estava com o ‘chip’ das corridas e só passados uns três meses me inscrevi no Crossfit OPO, porque lá treinavam uns amigos, comecei em Janeiro de 2014.

A primeira competição foram os Promofit em equipa depois Portugal Affiliate League e Kings of Wod em Lisboa e Madrid, andava fascinada com tudo e só pensava ‘Uiii é isto que eu quero!!’ Nesse ano, em Agosto, estava a fazer o curso Crossfit Level 1 em Barcelona.

Em Setembro de 2015 começo a trabalhar como Coach na N14 Crossfit e em Janeiro de 2016 começo a treinar também lá, sou mesmo feliz naquela box! Treinamos a sério sem esquecer a diversão e maluqueira que são para mim indispensáveis 🙂 Coordeno com a minha ocupação principal de Personal Trainer, e as aulas que dou de Stretching, Pilates e CrossTraining e mais recentemente formadora de CrossTraining na Bwizer. Tenho os melhores alunos do Mundo, recebem-me depois de cada fim de semana em que levo porrada das barras e apareço cheia de negras, mãos esfoladas e histórias que não consigo deixar de partilhar com todo o carinho e paciência e apoiam muito esta paixão.

Treino de segunda a sábado, acordo quase sempre as 6h30h da manhã e janto muitas vezes ás 22h, não me queixo e tenho a vida que escolhi ter e não encaro isto como um sacrifício, porque o meu ideal de vida era só treinar e viver disso! É preciso ser organizada e quando queres, consegues!! No entanto respeito muito o meu descanso só falo neste tema porque me faz muita confusão ver pessoas que competem e que não competem, do Crossfit e não só, que não valorizaram o descanso!! Muitas vezes não é ‘overtraining’ o problema, mas sim a falta de sossego!!!I Isto para dizer que tudo importa, tem mesmo de haver equilíbrio e não ser fundamentalista ajuda-me muito! Tenho o meu plano alimentar com a Julien Sartori mas vou fazendo as minhas jantaradas (vivia de pizza e sushi ahahaha) e divertir-me porque há vida além dos treinos e levar os treinos a sério também é saber escutar o corpo por isso massagens e tratamentos no Osteopata são sempre bem-vindos, pode parecer inútil e estúpido reforçar isto mas penso que me tem feito evoluir muito o facto de ir aprendendo a escutar o meu corpo.

O meu objetivo passa por tentar qualificar-me para competições internacionais e melhorar a minha ginástica! Não que o nível nacional não esteja a aumentar, e bem, mas a experiência de ir fora competir com atletas de alto nível faz-nos aprender muito. Quero competir nisto para sempre e saber que tenho tanto que melhorar é o que me motiva e vou poder sempre melhorar porque podes sempre ser melhor!!! Um dia, mais daqui a uns anos,  quero fazer uma maratona e um triatlo mas ainda falta!!

Penso que o Crossfit vai ganhando cada vez mais adeptos por isso mesmo, não sendo uma modalidade mas sim um método de treino(em que acredito muito e aplico nos meus alunos), mostra claramente o que é testar todas as valências físicas, quer queiras ou não competir. Porque atenção aos que acham que não estão ‘preparados’ para ir para uma box, é que a ideia é melhorar a qualidade de vida de todos a partir da condição física em que se encontram e ninguém é obrigado a competir e muito menos a comparar-se com quem quer que seja! A ‘luta’ é CONTIGO! Mas cuidado porque vicia muito!!

‘És tão forte quanto a tua maior fraqueza’. Caramba! Esta mexe muito comigo e faz-me querer ser uma atleta cada vez mais completa.

Não posso deixar de referir a Boxpt Equipment, Prozis, Reebok e N14 Training Systems por me ajudarem e serem fundamentais neste caminho, obrigada!

Quer seja a fazer Crossfit ou outra atividade qualquer, mexam-se e sejam felizes a fazer o que realmente gostam!! Sigam sonhos e objetivos e rodeiem-se só e apenas daqueles que vos impulsionam 😀

Por: Joana Tomás

VEJA TAMBÉM
loading...

Deixar uma resposta